•  
  •  
  •  

Agricultura

A forte e secular tradição agrícola da região do Algarve e de Castro Marim, de matriz mediterrânica, adquire maior expressão nas hortas e hortejos espalhados pela serra, seguindo os principais cursos de água, nas várzeas e barrancos, onde a terra é mais fértil. Aí ainda encontramos hortas delimitadas por pequenos muros de pedra ou valados de pita, que as protegem de invasores. No espaço urbano, encontramos cultivos junto da periferia ou nos quintais das habitações.

No Concelho de Castro Marim, a agricultura praticada é sobretudo de subsistência e proximidade, colhida para consumo doméstico, adaptando os saberes passados aos recursos tecnológicos do presente. As hortas e pomares, regadas a partir de poços e noras, ainda hoje utilizam algumas das estruturas antigas, adaptadas aos tempos atuais com modernos engenhos hidráulicos de elevação da água. As espécies hortícolas e frutícolas, cultivadas e colhidas na época própria, ainda obedecem ao calendário agrícola antigo, fruto dos contactos mantidos com as civilizações do mediterrâneo que, durante a antiguidade, colonizaram e partilharam conhecimentos com as gentes da região.